NORUEGA: O QUE ME ACONTECEU NOS FIORDES – POR TATI FELÍCIO

By

Oi minha gente,

Estou aqui para mais um post e agradeço mais uma vez o prestígio em tê-los como leitores.

Estou adorando compartilhar as histórias com vocês aqui no Blog da Beta, minha grande amiga!

Hoje vou falar um pouquinho sobre os fiordes. A Noruega é um dos poucos países que tem fiordes e é o mais “banhado” por fiordes no mundo! É conhecido como a terra dos fiordes. Alguém deve se perguntar, o que é fiorde? Então vou explicar, fiorde é uma grande entrada de mar entre altas montanhas rochosas, com enooorme profundidade, que chega a quase 1500 metros abaixo do nível médio das águas do mar! Imaginem! Eles se formaram devido à ação de imensas massas de gelo que se movimentaram rumo ao mar como se fossem rios congelados. Fiorde só existe em lugares montanhosos e muuuito frios. E são belíssimos!

noruega_betastories2

Então vou continuar contando o que aconteceu comigo no primeiro fim de semana, o dia que fiz stand up no fiorde pela primeira vez.

Abre parênteses: Stand up (stand up paddle) é um esporte aquático, uma variante do surf, onde o praticante fica em pé numa prancha e usa um remo para se mover através da água. Fecha parênteses.

Continuando…

Quando voltávamos da estação de esqui, por volta das 20h, o sol ainda estava bombando como se fosse 2h da tarde (em outro post conto sobre as horas do dia e da noite). Paramos num lugar lindo que vimos no meio do caminho, era um fiorde com montanha, geleira em cima e a cachoeira caindo…  uma parte da cachoeira em queda congelada, é incrível! Aqui tem muitos lugares assim…

noruega_betastories3

Resolvemos colocar uma garrafa de 2L de coca-cola, que estava fechada dentro do carro quente, na água do fiorde pra gelar e bebermos.  Essa água é suuuuper gelada e algum tempinho depois a coca já estava até com raspinhas de gelo.

Estou acostumada a fazer stand up nas águas do mar, que tem muitas ondas, quase nunca caio. Antes de começar a fazer aqui meu namorado disse… tira seus óculos porque se você cair já era…  Eu olhei e disse… Fala sério né, impossível cair nessa água lisinha…  😛

Subi na prancha pelo deck porque não queria molhar meu pé de jeito nenhum.

É bem diferente fazer stand up no fiorde.  Você não enxerga nada na água, é tudo preto embaixo. Dá medo sim. Medo de uma baleia orca bater na sua prancha e você cair e ela te matar, medo de um bacalhau morder seu pé, medo de ser atacado pelas aves selvagens que sobrevoam sobre você.  Tirando os medos, basta você remar e apreciar a paisagem que é de tirar o fôlego!

Resolvi sair da água quando entrou um vento mais forte, não queria correr o risco de não conseguir voltar e ser levada pra alto mar :/, já aconteceu algo parecido comigo em Arraial e tive que ser resgatada, mas aqui não havia resgate, não havia ninguém,  então melhor não arriscar!

Quis sair pelo deck, como entrei, pois não queria colocar o pé na água de jeito nenhum. Muito gelada gente… não rola!! Massssss quando fui tentar subir no deck a prancha andou pra trás e… pluft…  eu caí de corpo inteiro naquela água! (A sensação deve ser a mesma que você entrar numa banheira de gelo de uma vez, com roupa e tudo, até o pescoço…)

E a gente riu! Eu ri pra não chorar, ri muito! E meu namorado falou aquela frase que você nunca quer ouvir… Eu aviseeei ;)…

Ainda bem que meus óculos se salvaram! Ufa!

Espero que tenham gostado de saber mais um pouquinho e espero vocês aqui no Blog da Beta na próxima segunda de novo

Fiquem a vontade para comentar ou perguntar qualquer coisa!

Mil beijos <3

Tati Felicio

PS.: Aqui a Tati contou sobre o clima da Noruega.

Tags:


,

junho 6, 2016 6:03 pm

Comentários

2

Você também pode gostar....

Comentários

2

Posts que você pode gostar