design

Carel Paris e seu Modelo Clássico com Muito Borogodó

    Há 4 meses estou calçando os mesmos sapatos, ou melhor, sandálias, ou seria chinelos, não sei. Só sei que a minha falta de desejo de variar se deve à minha enorme crise de identidade, talvez por conta da pandemia, talvez devido à tantas mudanças ao mesmo tempo, não sei também.   Só sei que quando me deparei com a Carel Paris eu senti um desejo imediato de calçar esse sapatinho vermelho exatamente assim, com uma calça jeans e uma t-shirt branca, livre de qualquer crise, e bater perna por aí, no centro de uma cidade ou numa trilha no meio do mato.   Nunca se sabe.   O que mais me chamou a atenção foi a modelagem estendida dos sapatos, deixando a ingenuidade tradicional dos modelos “boneca” de lado e trazendo um frescor very cool, não acham?     (via)


As Estampas Destacadas da Marimekko

    A marca finlandesa de estilo de vida Marimekko captou meu olhar desde o primeiro segundo. A combinação fresca e nada óbvia na escolha das cores associada ao contraste de força e delicadeza das estampas, é encantamento certo.   Vale a pena passear pelo canteiro cheio de personalidade da marca, a sessão HOME é um deleite.   (via)  


Maison La Roche de Le Corbusier

    Sou fã da arquitetura de Le Corbusier, dos ângulos simples e surpreendentes que ele apresenta com tanta precisão, mas não somente isso, principalmente neste projeto: Maison La Roche, o que me chamou a atenção além das curvas transgressoras, foram as cores: vermelho, rosa e azul.   Genial.   Esta foi a minha única referência ao criar a identidade visual deste site.  (www.betamaia.com)   (imagem via)


Cores Românticas em Ambientes Frios

      Banheiro e Lavanderia são lugares geralmente frios e sem graça, certo? Errado. Gostei muito da forma como essas cores trouxeram acolhimento para cômodos que muitas vezes passam despercebidos.   (Juntando referências para a minha casa dos sonhos).   (via)